quarta-feira, 30 de outubro de 2013

Vieram do Espaço (It Came from Outer Space) 1953



A "coisa" em "It Came From Outer Space", é uma nave espacial em forma de meteorito que cai no deserto, nos arredores de uma pequena comunidade no Arizona. Na verdade, a nave espacial cai duas vezes no ecrã, uma vez nos primeiros segundos do filme, e depois novamente dentro da narrativa adequada. Depois de ter sido filmado originalmente em 3-D polarizado, não é surpresa que os produtores tentaram tirar o máximo proveito dos maiores efeitos especiais no filme.Mas para muita gente, It Came From Outer Space não é um espetáculo de efeitos especiais, mas sim um drama psicológico de sci-fi que, ao lado de "Invaders from Mars" (1953), antecedia a paranóia que fez a década de 50 tão popular.
Richard Carlson , que entrou em dezenas de filmes similares ao longo dos anos 50, interpreta John Putnam, um astrónomo amador e escritor que, com a namorada professora, Ellen (Barbara Rush), testemunha o acidente da nave espacial. Apesar da sua aparência aparentemente branda, John tem algo de estranho e rebelde, um homem pensador que vive na periferia da cidade e tem a cabeça nas estrelas. Como um personagem diz sobre ele: "Ele é mais do que estranho. É individualista e solitário. É um homem que pensa para si próprio". Porque John é a única pessoa a ver a nave antes de ficar enterrada debaixo de um deslizamento de terras na cratera se formou, as suas reivindicações são facilmente desacreditadas pelos outros, particularmente pelo xerife Matt Warren (Charles Drake ), que desconfia de John, e além disso, tem inveja dele porque Ellen é a sua ex -namorada.

O cerne do filme torna-se a questão de saber se os alienígenas são perigosos ou benignos. O filme dá-nos vários pontos de vista, através dos olhos dos aliens, que sugerem uma presença ameaçadora. E, uma vez que eles começam a raptar moradores e tomar a sua forma, parece que eles são mesmo uma ameaça .
O filme foi dirigido com a mão competente de Jack Arnold, realizador de contrato da Universal, que fez dezenas destes filmes ao longo dos anos 1950 e 60, incluindo clássicos como "O Monstro da Lagoa Negra" (1954), "This Island Earth" ( 1954), ou "The Incredible Shrinking Man" (1957). Ele não era um realizador particularmente inventivo (não surpreendentemente, mudou-se para a televisão, mais tarde na sua carreira), mas dá ao filme uma sensação de equilíbrio sólido, resistindo à tentação de ser excessivamente chamativo com um orçamento mínimo. Na verdade, os extraterrestres nunca foram destinados a ser vistos, embora façam várias aparições depois dos executivos do estúdio decidirem que não havia maneira de fazer um filme com um título tão hiperbólico como "It Came From Outer Space", e depois não mostrar os aliens. Felizmente, Arnold utiliza uns breves vislumbres das criaturas de um olho só, com um bom efeito, nunca se centrando muito neles.
 

Embora a Harry Essex tenha sido dado crédito para argumento exclusivo, todas as evidências apontam para o facto do argumento original ter sido escrito pelo autor de ficção científica Ray Bradbury, como fonte primária do filme. Há momentos que têm mesmo o estilo único de Bradbury, especialmente quando o filme começa a manifestar as suas preocupações sociais, ou seja, a tendência dos americanos de se sentirem ameaçados por tudo o que é diferente. Numa época em que o racismo interior vinha à cabeça e a paranóia política sobre a influência dos comunistas soviéticos e outros povos mal-intencionados, foi crescendo com uma velocidade assustadora, essas preocupações não eram apenas compreensíveis, mas cruciais.Como em muitos filmes de ficção científica da década de 1950, It Came From Outer Space tem um claro imperativo metafórico, transformando o popular e reconfortante "nós contra eles", questionando o "nós". À medida que a história avança, o verdadeiro monstro acaba por estar do lado de cá, como muitos personagens dispostos a pegar em espingardas e destruir tudo o que for diferente do que eles conhecem, algo que, infelizmente, ainda acontece hoje em dia.

Link
Imdb

Nenhum comentário: