terça-feira, 22 de outubro de 2013

The Deadly Trackers (The Deadly Trackers) 1973


Depois de The Wild Bunch ter ultrapassado alguns limites em termos de violência, especialmente dentro do género western, seguiu-se uma série de westerns semelhantes: Billy Two Hats , Chato's Land, The Hunting Party , The Revengers e The Last Hard Men estavam entre os principais candidatos. "The Deadly Trackers"
também estaria em qualquer lista de westerns brutais de vinçança dos anos 70, o filme foi originalmente planeado como uma obra de Samuel Fuller, mas foi completado por Barry Shear depois de Fuller sair do projeto. O estúdio permitiu a Fuller gastar mais de 1 milhão de dólares em filmagens até que foi demitido por causa das "diferenças artísticas" com o egocêntrico protagonista do filme, Richard Harris, que simplesmente não aceitou receber ordens deste realizador. O estúdio então desfez-se da maioria das filmagens, contratando Shear para substituir Fuller, e começar tudo de novo.
O xerife irlandês Sean Kilpatrick (Richard Harris) cuida da pequena cidade do Texas de Santa Rosa, e faz questão de resolver os crimes e capturar os criminosos sem recorrer à violência. Na verdade, enunca na vida disparou uma arma de raiva , mas de alguma forma promoveu a lei total, a ordem e o respeito entre os habitantes da cidade. Os seus métodos são testados até ao limite quando o fora-da-lei Frank Brand ( Rod Taylor, numa interpretação surpreendentemente sádica) e o seu bando roubam o banco local. Durante a tentativa de fuga, os bandidos, inadvertidamente, matam a própria esposa e o filho de Kilpatrick. Devastado, Kilpatrick deixa para trás a sua atitude anti-armas e anti-violência e persegue os assassinos. A perseguição leva-o até ao México, onde ele não tem nenhuma autoridade oficial e é visto como pouco mais do que um próprio bandido. 

Não é propriamente um filme de Fuller, mas por ter sido ele a iniciar o projeto, resolvi inclui-lo neste ciclo. 

Link
Imdb

Nenhum comentário: