sexta-feira, 3 de janeiro de 2014

Pola X (Pola X) 1999



Pierre vive uma vida tranquila e privilegiada com a sua bela mãe, Marie, num grande castelo da Normandia. O amor de Pierre pela mãe é apenas superado pelo que ele tem para a sua noiva, Lisa, que mora nas proximidades. Uma noite, Pierre conduz para casa da namorada para lhe dizer que a sua mãe fixou uma data para o casamento dos dois, quando algo estranho acontece. Na borda de uma floresta, a figura fantasmagórica de uma jovem mulher aparece e chama por ele, dizendo-lhe que ela é a sua irmã há muito perdida ...
O título Pola X pode não ter nada a ver com o filme, mas a maior parte deste trabalho pela mão eclética do seu realizador /co-argumentista Leos Carax é uma mistura de estilos, cenários, moods, música, e temas. Superficialmente dispostas sobre uma busca de identidade, a maturidade e a verdade incontestável, as duas horas deste filme, são uma descida para a morte, para o desespero e para o pessimismo.
O filme é baseado no conto de Herman Melville, "Pierre, or, the Ambiguities", que, na esteira de Moby Dick, fez o autor perder grande parte do seu vasto público. Tal como a novela de 1852, este filme de 1999 perderá muitos seguidores de Carax, enquanto apanhará muitos outros pelo caminho. Tais diferenças são exemplificadas, por exemplo, no impressionante castelo da Normandia, jardins bem cuidados, bosques e uma vida agradável dos seus habitantes, duramente contrastado com uma transformação súbita de tom, e uma orquestra dissonante tocando numa comuna revolucionária num armazém industrial abandonado.
O filme está cheio de emoções em larga escala, e as interpretações sólidas do elenco (Guillaume Depardieu, Yekaterina Golubeva, Catherine Deneuve) mantém as coisas sem as sentirmos excessivamente melodramáticas. O esplendor visual e a miséria contrastante que Carax lança no filme consegue ampliar o drama já de si de grandes dimensões. O sentimento de inquietação parece ser o dominante, as coisas não fazem sentido exatamente enquanto o filme avança, mas as emoções fazem.

Link
Imdb

Nenhum comentário: