domingo, 10 de novembro de 2013

It! The Terror from Beyond Space (It! The Terror from Beyond Space) 1958



A primeira missão tripulada a Marte resulta em mortes misteriosas de toda a tripulação, excepto do comandante, o coronel Carruthers (o frequente herói de sci fi Marshall Thompson). Levado em custódia por uma nave de resgate sob a ameaça iminente de corte marcial pelo suposto assassinato de toda a sua tripulação, Carruthers consegue convencer os seus captores da inocência quando o verdadeiro assassino é descoberto a bordo: um monstro reptiliano que absorve o sangue das vítimas através de uma estranha forma de osmose. O grupo deve agora unir-se para derrotar a criatura, ou tornar-se na sua próxima refeição.
Com uma duração de 69 minutos (em comparação com as quase 2 horas de duração do seu primo distante, Alien) , It! é um pequeno filme de suspense, muitas vezes emocionante. Filmado em cenários apertados , It! é claustrofóbicamente convincente, com os sobreviventes da nave a passarem de nivel para nível na tentativa de escapar do monstro e elaborar um plano para matá-lo. Embora algumas partes se arrastem (há demasiadas inserções da mesma sequência da nave a subir através do espaço), quase imperdoável num filme tão curto, a tensão total é palpável, especialmente quando um tripulante está preso no porão com a besta e deve afasta-lo com um maçarico .
    
Parte do sucesso de It! encontra-se na decisão do realizador Edward Cahn para fotografar o monstro quase inteiramente nas sombras, só nos dá vislumbres ocasionais do mesmo. Inicialmente, o monstro foi concebido como uma criatura rápida e ágil, mas quando o duplo veterano Ray " Crash" Corrigan foi escolhido para o papel da criatura, a concepção inicial teve que ser alterada. Um Corrigan corpulento não convenceria como um extraterrestre rápido.
 

O fato de monstro da autoria de Paul Blaisdell é relativamente eficaz, principalmente quando deixado invisível, exceto em flashes e shock cuts. Blaisdell foi responsável por muitos dos monstros exclusivos de aparência da década de 1950: os bichos de "It Conquered the World" e "She Creature", e o mutante de três olhos de "Day the World Ended", entre outros. Alguns críticos alegam que os monstros de Blaisdell ficavam melhor fotografados do que no grande ecrã, o que pode ser, ou não, questionável. Aqui, a criatura fica um pouco decepcionante quando iluminada, mas muito ameaçadora quando é vislumbrada brevemente ou obscurecida pelas sombras. No geral, It! é uma jóia subestimada e injustamente ofuscada pelo alto brilho do seu futuro primo, Alien.

Link
Imdb

Nenhum comentário: