segunda-feira, 2 de dezembro de 2013

Mister Max (Il signor Max) 1937



Vittorio De Sica herdeiro de uma grande soma em dinheiro e dono de uma banca de venda de jornais, faz dinheiro suficiente para tirar umas férias para longe da empresa, num resort da moda. Recebe um bilhete para um cruzeiro de um aristocrata que é um velho amigo de escola, e é confundido com esse aristocrata quando ele usa a sua câmera que tem o seu nome e o dos amigos. Assia Noris interpreta uma empregada que se apaixona por ele por causa de quem ele é, e não por quem os outros pensam que ele é.
"Il Signer Max", é uma produção da Aspra Film dirigida por Mario Camerini. Algumas das muitas situações engraçadas são explorados ao máximo por Vittorio de Sica, no duplo papel de um dono de banca de jornais próspera e um falso homem da sociedade, e muito por Assia Noris, como a honesta empregada, perplexa e preocupada com a "estranha semelhança" entre os dois.
Os actores principais são apoiados por um excelente elenco em que a sedutora Rubi D'Alma (diz-se que era uma jovem da alta sociedade italiana interpretando o seu primeiro filme) brilha como a aristocrata divorciada que volta a cabeça do jovem por algum tempo. Mario Casaleggio, com grande categoria, interpreta o tio rude com um coração de ouro, cujo salutar conselho, junto com o charme da atraente Assia, faz com que o jovem finalmente perceba que está a agir como um tolo.
Mais tarde o filme seria refeito com o nome de "Il Conte Max" com Alberto Sordi no papel de De Sica e o segundo no papel de tio.
Legendas em inglês.   

Link 
Imdb 

Nenhum comentário: