quarta-feira, 25 de dezembro de 2013

Come Drink With Me (Da Zui Xia) 1966



Um jovem magistrado escoltando prisioneiros é raptado por Jade-Faced Tiger cujo gang de bandidos desagradáveis ​​está escondido num templo, sob a proteção de um misterioso abade. Uma bonita guerreira, Golden Swallow, sem grande esforço afasta um ataque dos bandidos numa pousada, depois de ser ajudada por um mendigo. Assim, o palco está montado para um filme tipicamente deslumbrante e elegante de King Hu em que nada é o que parece, incluindo Golden Swallow. Interpretada por Cheng Peipei, uma das atrizes mais ilustres das artes marciais do seu tempo, a guerreira é, na verdade, a filha do governador, numa missão para resgatar o irmão raptado.
As lutas são bem tratadas durante todo o filme; as coreografias extravagantes e divertidas. No decorrer do filme as lutas vão crescendo de duração, normalmente começam fortes e frenéticas, mas lentamente diminuem para um ritmo mais lento e mais pesado por natureza. Cheng Pei-Pei, também conhecida pelo seu papel em "O Tigre e o Dragão", lida com as cenas de luta de uma forma graciosa e fluida.
Existe ainda alguma influências da ópera no filme, especialmente quando se trata da banda sonora, feita com uma orquestra chinesa, acentuando as sequências como se fosse uma grande ópera. Tocada em sincronia com a acção na tela, é uma base que muitos filmes do género adoptaram com grande efeito. A fotografia é muito boa, dadas as muitas cenas em exteriores e em cenários bastante elaborados, com locais clássicos como pousadas e templos. A sequência de introdução na estalagem vai ser de tirar o fôlego, em algumas das cenas foram utilizados truques de stop motion e a inversão do filme.  
Comparado com outros filmes Wuxia da altura, Come Drink With Me era uma obra inovadora, cinema avant-garde. A única razão porque o filme pode parecer datado nos dias de hoje é que a maioria das suas técnicas revolucionárias são agora um dos pilares no popular cinema de ação de Hollywood, tendo sido popularizado por final dos anos 80, início dos 90, nos filmes de Tsui Hark e John Woo. Os únicos elementos que se destacam (negativamente) são os efeitos especiais datados. Para entendermos verdadeiramente a "revolução" dos filmes de King Hu (mais especificamente Come Drink With Me), devemos primeiro entender a sua abordagem extremamente complexo ao Wuxia.

Link
Imdb

Nenhum comentário: