domingo, 1 de fevereiro de 2015

Reykjavík Rotterdam (Reykjavík Rotterdam) 2008



Kristofer (Baltasar Kormákur) está preso a uma aborrecida rotina de trabalho, como segurança de um navio de carga. Um dia é detido ao ser apanhado a roubar garrafas de bebida. A passar por problemas financeiros, Kristofer é seduzido pela oportunidade de ganhar dinheiro fácil quando um velho amigo, Steingrímur (Ingvar Eggert Sigurdsson), lhe garante meios para voltar ao seu antigo trabalho. É quando Kristofer inicia uma onda de roubos em Roterdão.
Há uma "back story" interessante acerca deste filme. O actor principal é nada mais, nada menos do que Baltasar Kormákur, na altura já um realizador de créditos firmados, de quem já vimos vários filmes neste ciclo. Este mesmo Kormákur, quatro anos depois realizaria um remake em Hollywood, que ganharia o nome de "Contraband", contando com Mark Wahlberg e Kate Beckinsale nos principais papéis.Foi um filme que fez um sucesso considerável, apesar de ter recebido críticas moderadas. Desde 2005 que Kormákur vinha a dividir a sua carreira entre Hollywood e o seu país natal, mas foi na Islândia que fez os seus melhores filmes.
A fotografia é fluida e interessante, mesmo dentro dos espaços confinados de um barco. É um thriller de gato vs. rato, caíndo por vezes nos clichés dos "heist movies", mas no seu melhor consegue criar uma bela e interessante atmosfera. As personagens são alegremente vistosas, especialmente a de Ingvar Eggert Sigurdsson, talvez o maior actor islandês. Sigurdsson interpreta-o de um modo muito especial, fazendo dele um homem triste e solitário, mas também é isso que faz dele uma fonte de entretimento na segunda metade do filme.

Link
Legendas
Imdb

Nenhum comentário: