quarta-feira, 18 de novembro de 2015

Os Evadidos (Gli Sbandati) 1955

Durante a Segunda Guerra, uma família nobre refugia-se dos bombardeios numa pequena cidade italiana. Andrea (Jean-Pierre Mocky), o filho mais velho de uma condessa, apaixona-se por Lucia (Lucia Bosé), uma operária. O amor faz com que ele ganhe consciência das agruras da guerra e a tente proteger, mas quando o perigo se aproxima, os seus caminhos são cruelmente divididos.
Francesco Maselli, um nome muito pouco conhecido do cinema italiano, mas com uma filmografia extensa, estreia-se na longa-metragem de ficção, depois de vários anos a fazer documentários. Maselli já tinha um passado ligado a Antonioni e à protagonista Lucia Bosé. Tinha sido um dos argumentistas de dois filmes anteriores de Antonioni que vimos neste ciclo, além de realizador assistente. E com apenas 25 anos conseguiu levar este seu primeiro filme a Veneza, tendo ganho o prémio de "Most Promising New Director". 
"Gli Sbandati" foi lançando internacionalmente como "The Disbanded". Passado durante a Segunda Guerra Mundial, é um drama sobre a resistência italiana, com todos os personagens "clichés" a serem bem trabalhados. Lucia Bosé, ainda muito jovem, mas já com alguma experiência no mundo do cinema, recebeu excelentes críticas pelas sua interpretação. A maior parte do filme relaciona-se com o choque cultural entre os combatentes da resistência e os seus hóspedes rurais.
O elenco de secundários contava com dois actores que se destacariam no cinema de género, sobretudo a partir da década de sessenta: Marco Girotti (futuramente conhecido como Terence Hill), e Antonio De Teffè (viria a ser conhecido como Anthony Steffen).

Link
Imdb

Nenhum comentário: