domingo, 28 de dezembro de 2014

Um Dia Nas Corridas (A Day at the Races) 1937



O assistente (Chico Marx) da dona de um sanatório (Maureen O’Sullivan) tenta ajudar solicitando fundos, contratando um médico de cavalos (Groucho Marx), por quem uma paciente hipocondríaca (Margaret Dumont) tem uma paixão. Entretanto o namorado da dona  (Allan Jones) compra um cavalo de corrida, esperando que o jóquei (Harpo Marx) consiga com ele fazer algum dinheiro.
Embora este sucessor de "A Night at the Opera", que conseguiu alcançar muito sucesso, seja adorado por muitos (foi escolhido pelo American Film Institute como o 59º filme americano mais engraçado), mas, no entanto, parece marcar o início do declínio dos irmão Marx, como uma força reconhecida. Irving Thalberg (o novo produtor dos irmãos na MGM) morreu subitamente durante a produção deste filme, e Groucho revelou ter perdido todo o interesse em fazer mais filmes, que de certa forma foi sentido nas obras seguintes. Todos os ingredientes habituais dos filmes dos irmãos estão aqui disponíveis, com muito humor e interacção entre eles e o elenco de apoio, incluindo a fiel Margaret Dumont. Com a duração de 111 minutos, é um dos maiores desta equipa, talvez até um pouco longo demais para o tipo de humor praticado.
Era a primeira vez que um filme dos irmãos Marx era nomeado para um Óscar, neste caso de número musical, com uma sequência de dança impressionante. Os filmes musicais eram muitos abundantes nestes anos 30, e o prémio acabaria por ser ganho por um filme de George Stevens, "A Damsel in Distress".
Atrás das câmaras está uma vez mais Sam Wood, que já tinha realizado o filme anterior, e entre o grande elenco estava o jovem Richard Farnsworth, que tinha a sua estreia absoluta à frente das câmeras. 

Link
Imdb

Nenhum comentário: