sexta-feira, 30 de janeiro de 2015

Ragnar Bragason e os filmes gémeos

Ragnar Bragason é um dos realizadores mais populares e aclamados da recente geração de realizadores islandeses.
Nascido em Reykjavik mas criado na pequena vila piscatória de Súðavik, a sua primeira experiência no mundo do cinema foi a ver filmes numa pequena sala aos sábados de manhã. Depois de dirigir um grande número de videos musicais para bandas nacionais e internacionais, fez a sua primeira longa-metragem chamada Fíaskó (Fiasco). Na sua obra Ragnar usou métodos de trabalho similares aos usados por John Cassavetes e Mike Leigh, trabalhando com actores para estes criarem personagens com argumentos improvisados.
Em 2006 e 2007 Bragason realizou uma dupla de filmes que são considerados gémeos, duas obras que exploravam os papéis dos pais e dos filhos numa  Reykjavik contemporânea. Passados nos subúrbios da capital, e filmados a preto e branco, os dois filmes tinham um realismo muito poderoso como pano de fundo.  Enquanto o primeiro se debruçava mais sobre as personagens mais humildes de Reykjavik, o segundo centrava-se na classe média. Feitos com um orçamento muito pequeno, os dois filmes devem ser vistos em conjunto, daí este post duplo. Ambos os filmes são legendados em inglês.

Children (Börn) 2006
"Children" nasceu do desejo de Ragnar Bragason fazer um filme com o mais famoso grupo de teatro da Islândia, o grupo de Vesturport, totalmente baseado na improvisação, tal como antes já o tinha feito John Cassavetes. Uma mãe solteira luta para dar educação aos seus quatro filhos. Trava uma batalha perdida com o seu ex-marido pela custódia de 3 filhas, mas não se apercebe ao que está a acontecer ao seu filho de 12 anos, Gudmund, vitima de um bullying brutal na escola, caminhando a passos largos para a destruição. O seu único amigo é um esquizofrénico de  40 anos. 

Link
Imdb

Parents (Foreldrar) 2007
As vidas de três personagens desesperadas cruzam-se nesta pequena obra inspirada pelos métodos da improvisação. Mais uma vez em conjunto com os actores do grupo de teatro de Vesturport, Bragason baseou os seus personagens em pessoas reais. O filme é acerca de vários pais, e a questão sobre quem são os pai e quem são os filhos, relações e família. As famílias serão os parentes de sangue, ou será que isso interessa?  "Parents" é uma sequela independente de "Children".

Link
Imdb

Nenhum comentário: