quinta-feira, 14 de abril de 2016

Morfina (Morfiy) 2008

Adaptado da colecção de histórias ficcionais de Mikhail Bulgakov, "A Country Doctor's Notebook", "Morphia" de Aleksey Balabanov é um retrato da Russia rural no auge da Revolução Bolchevique. Contada a partir da perspectiva de um jovem médico idealista, Polyakov (Leonid Bichevin), o filme mantém o humor e a perspectiva da histórias original de Bulgakov.para sublinhar a difícil adaptação de Bulgakov ao isolamento da vida no interior do país, para onde ele se mudou para servir como o único médico na região. Ainda incerto sobre as suas habilidades médicas e lutando para lidar com o atraso da comunidade, que muitas vezes põe em perigo os seus pacientes, Polyakov encontra um consolo inesperado numa injecção de morfina que lhe é administrada pela enfermeira chefe, Anna Nicolaevna (Ingeborga Dapkunaite), para tratar uma reação de alergia.
Poderoso e bizarro conto sobre um jovem médico à beira do abismo do vício nas drogas, enquanto o mundo à sua volta vive os horrores da guerra civil. Mesmo com a guerra e a revolução a serem pouco mostradas no filme, pode sentir-se a sua presença negra em cada cena, e cada diálogo. Surpreendentemente bem captado o espírito dos livros de  Mikhail Bulgakov, um dos maiores e mais controversos escritores da Rússia do Século XX. Muito recomendado para quem gosta de Bulgakov, Dostoevsky ou da literatura clássica russa em geral. O argumento foi escrito por Sergey Bodrov Jr., o jovem protagonista de "Brat", que havia falecido em 2002, vítima de uma avalanche nas montanhas caucasianas, quando se preparava para rodar o seu segundo filme. Era uma espécie de homenagem de Balabanov a Sergey Bodrov Jr., mas ele próprio também viria a falecer poucos anos depois, em 2013.

Link
Imdb

Nenhum comentário: